Now Playing Tracks

Por caminhos traçados ou errados da gente, queria sim te conhecer antes um pouco, mas já que fomos designados para tentar construir um elo forte agora, lhe digo que vivo a cada dia da minha vida como se fosse o último e com ele vivo tentando batalhar cada dia mais para te adorar, te admirar e fazer você me engrandecer com seu sorriso. Isso não tem dinheiro no mundo que pague a felicidade que tenho com você, em ter te conhecido, e hoje ter abraçado você, sentido o calor do seu corpo e ter encontrado paz.

__Thiago Fernandes

Você ainda irá se surpreender muito nessa vida. Você se decepcionará com pessoas que você conhece a muito tempo e será conquistado por pessoas que acabou de conhecer, onde as mesmas você nem esperava muito delas, mas que demonstram todos os dias que tudo que um dia foi cativado, deve ser cativado sempre.
Beatriz Ribeiro

Consigo lembrar, encontrava-me em meio uma multidão quando virei-me e avistei alguém que sabia que estaria naquele momento mas não esperava que fosse assim. Olhei e esperei. De repente surgiu um sorriso dos dois e um breve abraço, não conseguia parar de olhar aquele rosto naquele momento. Tudo parecia calmo e a noite estava em festa. Então saímos para a parte mais calma e ficamos a conversar. Tantas palavras sobre a vida dos dois e pensamentos soltos pareciam não acabar. Algo parecia ter reservado aquele momento. Cheguei mais perto e o abracei enquanto ríamos de algo de nossas vidas. Sentia que todos olhara para nós naquele momento e vinham pensamentos em suas cabeças, mas não importava só queria estar ali naquele momento. Não conseguia manter os olhos fixados nele o tempo todo, a timidez parecia apresentar, o que me deixava meio boba.

Houve uns segundos que os dois silenciaram-se e pensamentos lhe passavam pela cabeça: o que ele está pensando? Será que ele realmente estar se sentindo bem comigo? Ela se sentia calma, aquele momento lhe fazia bem. Apenas conversavam, mas havia algo naquele momento, algo inexplicável. Apenas sentia que havia bem mais do que duas pessoas conversando. Ela queria poder fazer algo, talvez o abraçar ou tocar no seu rosto e até mesmo olhar dentro dos seus olhos para ver o que se escondiam dentro deles, mas permaneceu como estava.

Após um tempo estávamos em outro lugar mais agitado e com muitas pessoas. Entre elas andamos de mãos dadas e entre outros segundos as vezes com as mãos soltas porque sentia que deveria soltá-las um pouco.

Sentados novamente permanecemos a olhar aquele cenário em festa a encantar, ficamos ali mesmo sentados perto um do outro, entrelacei meu braço no dele e permanecemos ali olhando tudo a nossa volta. Algo parecia inquieto dentro de mim e ao mesmo tempo tudo estava muito calmo. Observei algumas vezes suas expressões e permaneci ali. Minha mão parecia querer ir ao encontro da dele e confesso que queria tocá-las, então aos poucos cheguei até suas mãos e ele a tocou e entrelaçou seus dedos nos meus e apertou as mesmas então senti algo no calor daquelas mãos, algo bom mas não sabia o que poderia ser. Logo após minha mão estava fora do entrelace e estava apenas perto das dele onde ambos cariciavam-se as mesmas.

Tudo parecia normal em alguns momentos e em outros pensamentos surgiam. _É bom estar com ele - ela pensava. Até que chegou a hora da despedida onde para ela teria sido momentos simples, mas únicos e que acabariam em breve. Não sabia se o veria novamente e também não sabia o que se passava na cabeça dele naquele momento. Chegou! Esse era o momento, perceberam que ela iria para casa. Então ela o abraçou, permaneceu e disse: _Não quero lhe soltar. Palavras tristes e carinhosas que resumiu aquele momento demonstrando que não queria sair de onde estava e nem deixá-lo. Então o abraçou bem forte e sentiu a mesma coisa que sentira durante o entrelace das mãos só que dessa vez parecia mais forte e beijou seu rosto. Ficou por alguns instantes o abraçando pensando se o veria novamente. Sabia que aquela noite tinha sido importante por causa dele e por isso esteve presente. Um abraço forte e duradouro, tornara-se quase infinito. E para ela um abraço que demonstrava muito. Ele era um rapaz especial e ela o encontrara de verdade pela primeira vez. No mesmo instante ele apresentava-lhe palavras ao abraçá-la. Aquele abraço durou o tempo suficiente para ser inesquecível. Ela não queria soltá-lo mas teve que fazer mesmo querendo o contrário. E nessa despedida os dois caminharam em lados diferentes e ela sorriu. Estava contente por ter estado ali com ele, onde simples momentos e gestos pareciam mais que especiais e de que ela lembraria sempre, daquele momento, daquelas mãos, daquele abraço, daquela pessoa especial que praticamente acabara de conhecê-la mas que fizera daquele momento, um momento simples, mas ainda sim incrível, onde o tornara ainda mais especial.

__ Beatriz Ribeiro

"Aquele momento que seus lábios se encontram e rapidamente seus olhos fecham e a pulsação do seu coração aumenta, em um momento único que você deseja que ele dure eternamente, mesmo que dure apenas alguns segundos. Alguns segundos eternos."

__Beatriz Ribeiro

Hoje acordei e senti que deveria abrir a janela e sentir o vento soprar em meus cabelos, senti que deveria sair e viver algo diferente. Ouvir o canto dos pássaros e o som que a natureza reproduz quando paramos para ouví-la. Senti vontade de viver tudo o que queria viver. Queria ser feliz. Queria sorrir e manter o brilho dos meus olhos. Queria ser a intérprete de momentos ainda não vividos. Queria viajar e ver o que o mundo lá fora oferece ou simplesmente estar aqui fazendo algo que eu pudesse lembrar por muito tempo. Não apenas estar sentada tomando café com leite, pensando e querendo viver coisas extraordinárias por mais distantes e quase impossíveis que fosse, mesmo todos dizendo que sonhadores não realizam a metade de seus sonhos. Não poderia concordar com aquilo, pois o que seria de nós sem sonhos, sem planos, mesmo que não possamos realizar todos, temos a capacidade de realizar a maioria deles se lutarmos e se tivermos consciência daquilo que realmente sonhamos. Acredito que são possíveis realizá-los de alguma forma. Mas o que realmente queria era poder aproveitar a vida, e descobrir as coisas boas que ela pode me oferecer. Realmente queria viver. Queria ser eu mesma. E poder sorrir para a vida. Queria estar com as pessoas que gosto em todos os lugares e poder dizer: Eu sou feliz. Um dia abrirei a janela e farei isso. Mas hoje ainda estou sentada na cama com o celular nas mãos olhando tudo o que há em volta para ser vivido e que ainda não vivi.

__Beatriz Ribeiro

"Eu sei que tudo isso serão apenas histórias algum dia. E nossas fotos se tornarão velhas fotografias. E todos nós nos tornaremos mãe ou pai de alguém. Mas agora, exatamente agora, esses momentos não são histórias. Está acontecendo. Eu estou aqui e estou olhando para ela. E ela é tão bonita. Eu posso ver. Aquele momento que você sabe que você não é uma história triste. Você está vivo. E você se levanta e vê as luzes nos edifícios e tudo faz você se maravilhar. E você está ouvindo aquela música no carro, junto às pessoas que você mais ama no mundo. E nesse momento, eu juro, nós somos infinitos.” ♥

__As Vantagens de Ser Invisível

Só preciso saber que existe alguém que ouve e entende, e não tenta dormir com as pessoas, mesmo que tenha oportunidade. Preciso saber que essas pessoas existem.

__As Vantagens de Ser Invisível ♥

To Tumblr, Love Pixel Union
Menininha dos Sentimentos...
Now Playing Tracks

Por caminhos traçados ou errados da gente, queria sim te conhecer antes um pouco, mas já que fomos designados para tentar construir um elo forte agora, lhe digo que vivo a cada dia da minha vida como se fosse o último e com ele vivo tentando batalhar cada dia mais para te adorar, te admirar e fazer você me engrandecer com seu sorriso. Isso não tem dinheiro no mundo que pague a felicidade que tenho com você, em ter te conhecido, e hoje ter abraçado você, sentido o calor do seu corpo e ter encontrado paz.

__Thiago Fernandes

Você ainda irá se surpreender muito nessa vida. Você se decepcionará com pessoas que você conhece a muito tempo e será conquistado por pessoas que acabou de conhecer, onde as mesmas você nem esperava muito delas, mas que demonstram todos os dias que tudo que um dia foi cativado, deve ser cativado sempre.
Beatriz Ribeiro

Consigo lembrar, encontrava-me em meio uma multidão quando virei-me e avistei alguém que sabia que estaria naquele momento mas não esperava que fosse assim. Olhei e esperei. De repente surgiu um sorriso dos dois e um breve abraço, não conseguia parar de olhar aquele rosto naquele momento. Tudo parecia calmo e a noite estava em festa. Então saímos para a parte mais calma e ficamos a conversar. Tantas palavras sobre a vida dos dois e pensamentos soltos pareciam não acabar. Algo parecia ter reservado aquele momento. Cheguei mais perto e o abracei enquanto ríamos de algo de nossas vidas. Sentia que todos olhara para nós naquele momento e vinham pensamentos em suas cabeças, mas não importava só queria estar ali naquele momento. Não conseguia manter os olhos fixados nele o tempo todo, a timidez parecia apresentar, o que me deixava meio boba.

Houve uns segundos que os dois silenciaram-se e pensamentos lhe passavam pela cabeça: o que ele está pensando? Será que ele realmente estar se sentindo bem comigo? Ela se sentia calma, aquele momento lhe fazia bem. Apenas conversavam, mas havia algo naquele momento, algo inexplicável. Apenas sentia que havia bem mais do que duas pessoas conversando. Ela queria poder fazer algo, talvez o abraçar ou tocar no seu rosto e até mesmo olhar dentro dos seus olhos para ver o que se escondiam dentro deles, mas permaneceu como estava.

Após um tempo estávamos em outro lugar mais agitado e com muitas pessoas. Entre elas andamos de mãos dadas e entre outros segundos as vezes com as mãos soltas porque sentia que deveria soltá-las um pouco.

Sentados novamente permanecemos a olhar aquele cenário em festa a encantar, ficamos ali mesmo sentados perto um do outro, entrelacei meu braço no dele e permanecemos ali olhando tudo a nossa volta. Algo parecia inquieto dentro de mim e ao mesmo tempo tudo estava muito calmo. Observei algumas vezes suas expressões e permaneci ali. Minha mão parecia querer ir ao encontro da dele e confesso que queria tocá-las, então aos poucos cheguei até suas mãos e ele a tocou e entrelaçou seus dedos nos meus e apertou as mesmas então senti algo no calor daquelas mãos, algo bom mas não sabia o que poderia ser. Logo após minha mão estava fora do entrelace e estava apenas perto das dele onde ambos cariciavam-se as mesmas.

Tudo parecia normal em alguns momentos e em outros pensamentos surgiam. _É bom estar com ele - ela pensava. Até que chegou a hora da despedida onde para ela teria sido momentos simples, mas únicos e que acabariam em breve. Não sabia se o veria novamente e também não sabia o que se passava na cabeça dele naquele momento. Chegou! Esse era o momento, perceberam que ela iria para casa. Então ela o abraçou, permaneceu e disse: _Não quero lhe soltar. Palavras tristes e carinhosas que resumiu aquele momento demonstrando que não queria sair de onde estava e nem deixá-lo. Então o abraçou bem forte e sentiu a mesma coisa que sentira durante o entrelace das mãos só que dessa vez parecia mais forte e beijou seu rosto. Ficou por alguns instantes o abraçando pensando se o veria novamente. Sabia que aquela noite tinha sido importante por causa dele e por isso esteve presente. Um abraço forte e duradouro, tornara-se quase infinito. E para ela um abraço que demonstrava muito. Ele era um rapaz especial e ela o encontrara de verdade pela primeira vez. No mesmo instante ele apresentava-lhe palavras ao abraçá-la. Aquele abraço durou o tempo suficiente para ser inesquecível. Ela não queria soltá-lo mas teve que fazer mesmo querendo o contrário. E nessa despedida os dois caminharam em lados diferentes e ela sorriu. Estava contente por ter estado ali com ele, onde simples momentos e gestos pareciam mais que especiais e de que ela lembraria sempre, daquele momento, daquelas mãos, daquele abraço, daquela pessoa especial que praticamente acabara de conhecê-la mas que fizera daquele momento, um momento simples, mas ainda sim incrível, onde o tornara ainda mais especial.

__ Beatriz Ribeiro

"Aquele momento que seus lábios se encontram e rapidamente seus olhos fecham e a pulsação do seu coração aumenta, em um momento único que você deseja que ele dure eternamente, mesmo que dure apenas alguns segundos. Alguns segundos eternos."

__Beatriz Ribeiro

Hoje acordei e senti que deveria abrir a janela e sentir o vento soprar em meus cabelos, senti que deveria sair e viver algo diferente. Ouvir o canto dos pássaros e o som que a natureza reproduz quando paramos para ouví-la. Senti vontade de viver tudo o que queria viver. Queria ser feliz. Queria sorrir e manter o brilho dos meus olhos. Queria ser a intérprete de momentos ainda não vividos. Queria viajar e ver o que o mundo lá fora oferece ou simplesmente estar aqui fazendo algo que eu pudesse lembrar por muito tempo. Não apenas estar sentada tomando café com leite, pensando e querendo viver coisas extraordinárias por mais distantes e quase impossíveis que fosse, mesmo todos dizendo que sonhadores não realizam a metade de seus sonhos. Não poderia concordar com aquilo, pois o que seria de nós sem sonhos, sem planos, mesmo que não possamos realizar todos, temos a capacidade de realizar a maioria deles se lutarmos e se tivermos consciência daquilo que realmente sonhamos. Acredito que são possíveis realizá-los de alguma forma. Mas o que realmente queria era poder aproveitar a vida, e descobrir as coisas boas que ela pode me oferecer. Realmente queria viver. Queria ser eu mesma. E poder sorrir para a vida. Queria estar com as pessoas que gosto em todos os lugares e poder dizer: Eu sou feliz. Um dia abrirei a janela e farei isso. Mas hoje ainda estou sentada na cama com o celular nas mãos olhando tudo o que há em volta para ser vivido e que ainda não vivi.

__Beatriz Ribeiro

"Eu sei que tudo isso serão apenas histórias algum dia. E nossas fotos se tornarão velhas fotografias. E todos nós nos tornaremos mãe ou pai de alguém. Mas agora, exatamente agora, esses momentos não são histórias. Está acontecendo. Eu estou aqui e estou olhando para ela. E ela é tão bonita. Eu posso ver. Aquele momento que você sabe que você não é uma história triste. Você está vivo. E você se levanta e vê as luzes nos edifícios e tudo faz você se maravilhar. E você está ouvindo aquela música no carro, junto às pessoas que você mais ama no mundo. E nesse momento, eu juro, nós somos infinitos.” ♥

__As Vantagens de Ser Invisível

Só preciso saber que existe alguém que ouve e entende, e não tenta dormir com as pessoas, mesmo que tenha oportunidade. Preciso saber que essas pessoas existem.

__As Vantagens de Ser Invisível ♥

To Tumblr, Love Pixel Union
>